Facebook
22
maio

Confira dicas para acertar na hora da escolha da escolinha infantil ideal

meufofinho_blog_escola

As pesquisas apontam que uma educação infantil de qualidade interfere ao longo de todo o desenvolvimento da criança e de sua relação com a sociedade. Por isso, uma das escolhas mais difíceis e importantes para os pais é decidir a primeira escolinha do filho, afinal esse será o ambiente onde a criança passará boa parte do dia e onde fará as primeiras aprendizagens e amigos longe de casa. Para facilitar sua vida, separamos algumas dicas que podem te ajudar nesse processo:

1) Localização: Uma escolinha perto de casa ou do trabalho é uma boa ideia, sobretudo, para quem mora em cidade grande. Atravessar quilômetros todos os dias com uma criança chorando pode ser uma má experiência. Além disso, a ida ao local é facilitada em caso de emergência;

2) Segurança: Crianças possuem pouca noção de perigo. Ao visitar a escolinha observe pontos como muros, grades e alambrados, se as janelas têm telas, se as tomadas são cobertas e se os produtos de limpeza são mantidos longe das crianças. Além disso, é sempre bom analisar a limpeza do local;

3) Espaços da escola: As salas precisam ser bem arejadas e contar com passagens para o jardim, além de banheiros e trocadores por perto. Também é indispensável que existam materiais como fantasias, brinquedos e livros, ao alcance das crianças para que elas possam fazer escolhas e aprender brincando;

4) Atividades extracurriculares: Estudos apontam que até os quatro anos desenvolvemos mais da metade de nosso potencial mental adulto. Fazer dança, natação, idiomas e até aulas de arte pode ajudar as crianças a desenvolver, desde cedo, uma séria de habilidades. Mas lembre-se de que os pequenos não devem ser sobrecarregados. Até os dois anos, por exemplo, não é recomendado que as crianças façam tais atividades. E por fim, é preciso contrabalancear: criança necessita brincar;

5) Número de professores: É necessário perguntar à direção da escola quantas professoras ou berçaristas há por criança. Até um ano de idade, é ideal um profissional para cada três bebês. Depois disso, é indicado que cada profissional possa atender de seis a oito alunos.

Recentemente o MEC (Ministério da Educação) também divulgou uma lista de perguntas básicas para fazer na hora de escolher a escola de educação infantil, que pode ser acessada AQUI. Agora, munido destas dicas, é só pesquisar as escolinhas de sua cidade para ter a certeza de estar garantindo o melhor para seu pequeno.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!